Um Chamado dos Povos Indígenas

Portuguese, Brazil

Um Chamado dos Povos Indígenas

Este mini documentário traz entrevistas exclusivas com pessoas que vivem a cultura indígena
de modo especial, cada uma em seu papel, representatividade e dimensão de convivência.

 

 

Conheça um pouquinho dos personagens

1) Ailton Krenak é um dos mais importantes líderes indígenas do mundo, escritor, filósofo,
ambientalista e militante - ainda que o termo mais adequado seja: protetor - da cultura dos
Povos Originários no Brasil.
- Krenak fez o discurso histórico em defesa da cidadania indígena, durante a Assembleia
Constituinte de 1987, em Brasília, evento que marcaria a implantação da Constituição
Nacional. Foi também a primeira manifestação politica/cultural, transmitida ao vivo para todo
o Brasil, de um líder indígena no Parlamento. Globalmente - ao lado de David Kopenawa e do
Cacique Raoni - é uma das vozes mais percebidas e estudadas na Antropologia dos Povos da
Floresta, na América do Sul.

2) Olívio Jekupé é escritor, nativo e porta-voz da comunidade "Krukutu", uma das três aldeias
de ancestralidade preservada na Cidade de São Paulo. Os "Krukutus" vivem no extremo Sul da
Capital, em um espaço que nos pensar o papel do Estado na preservação e assistência às
Terras Demarcadas do País, e o quanto poderemos andar para trás.
- Olívio estudou Filosofia na Universidade de São Paulo, mas prefere "ensinar" em seu
ambiente local, ao lado da família, dos amigos e dos inúmeros visitantes que o procuram
mensalmente.

3) Andréia Duarte Figueiredo é atriz, educadora, produtora e pesquisadora, com especial
interesse em Artes Cênicas e Povos Ameríndios. Morou cinco anos no Parque do Xingu/MT -
uma das maiores e mais conhecidas reservas indígenas do planeta - onde aprofundou suas
experiências em processos de formação, criação e prática teatral com os povos ancestrais.
- É mestra pela Universidade Federal de Minas Gerais com a tese: "O instante da cena do índio:
a expressão poética de uma experiência". Seus projetos articulam diferentes saberes: Artes
Cênicas; Cultura, Linguística, Letras e Artes do Corpo. Andréia foi curadora convidada na MIT -
Mostra Internacional de Teatro do Brasil - em 2020.

Obs: Este Doc ganhou consciência a partir das reflexões de nossos entrevistados, e dos
preciosos ensinamentos da obra: Ideias para adiar o fim do mundo (Ailton Krenak,Companhia das Letras/2019).
- Buscamos fontes para refletir o cenário político e social do Brasil de 2020. Ainda que a
oposição mais áspera seja um caminho, neste projeto, nos alimentamos de perguntas e não de
confrontações. A modéstia foi o maior grão de nossa ceia. Exploramos temas que são muito
maiores do que nós. Portanto, optamos pela escuta #MenosRuídoMaisFluidez.

Este Mini Doc é uma homenagem aqueles que reconhecem nos Povos Originários parte de sua
própria história cultural e familiaridade planetária.

// Existe um Chamado dos Povos Indígenas. Precisamos ouvir, aprender e recriar as
possibilidades de diálogo, afeto e convivência com os nossos ancestrais. Somos (todos) filhos
da mesma Terra. //
Outono de 2020 - São Paulo/Brasil.

Créditos:

Realização, filmagens, direção e roteiro: Caroline Zeferino, Kelly Santos, Daniele Amorim e Weldher Rodrigues.


Trabalho desenvolvido para a disciplina Mídia e Representações Sociais da Diversidade, do curso Mídia, Informação e Cultura, sob responsabilidade do Prof.Dr. Ricardo Alexino.

Error | CELACC USP

Error

The website encountered an unexpected error. Please try again later.