Ave-Marias: Uma análise da representação simbólica de mulheres negras nas obras artísticas de Manoel da Costa Ataíde e Jean-Baptiste Debret

Autor do Trabalho: 
Gabriela Ramos Ribeiro Martins
Undefined
Curso: 
Cultura, educação e relações étnico-raciais (ETNOCULT)
Ano da Defesa: 
2019
Resumo: 
O objetivo deste trabalho é investigar, por meio de uma pesquisa teórica e imagética, as origens na arte colonial brasileira de dois ideais nacionais de mulher: o primeiro inspirado numa concepção cristã de maternidade, fundada no recato e na pureza, e o outro em seu suposto oposto: sexualizado, lascivo e desumanizado. O trabalho teve como fundamento um levantamento bibliográfico que respondesse questões acerca do estilo barroco que se desenvolveu no Brasil, empregando a análise semiótica e histórica de obras dos artistas Manoel da Costa Ataíde e Jean-Baptiste Debret. O enfoque maior foi dado às representações da Virgem Maria (entendida aqui como símbolo maior do ideal feminino construído e disseminado no Brasil colônia) personificadas subversivamente por mulheres negras nas pinturas de Mestre Ataíde e às representações documentais de Debret acerca do cotidiano das escravas na colônia.
Error | CELACC USP

Error

The website encountered an unexpected error. Please try again later.